Seguro-Desemprego
24 mar 12

Terno Azul Escuro com GravataO empregado doméstico faz jus ao seguro-desemprego?

Por enquanto ele só fará jus ao seguro-desemprego se for inscrito no FGTS e que tenha trabalhado como doméstico por um período mínimo de quinze meses nos últimos vinte e quatro meses contados da dispensa sem justa causa. O valor é equivalente a um salário mínimo e por um período máximo de três meses.

Qual o valor do seguro-desemprego e durante quanto tempo será pago?

O valor do benefício será de um salário mínimo e será concedido por um período máximo de três meses, a cada período aquisitivo de dezesseis meses.

Quando é que o empregado doméstico tem direito ao seguro-desemprego?

O empregado doméstico para ter direito ao seguro-desemprego tem que estar inscrito no FGTS. Outras exigências: ele tem que ter exercido a função de empregado doméstico durante quinze meses, nos últimos vinte e quatro meses; a sua demissão tem que ter sido sem justa causa. O prazo é contado da data de sua dispensa sem justa causa.


16 Comentários para “Seguro-Desemprego”

  1. gorete de jesus da silva disse:

    que abusurdo,essa profissao é a mais humihante,sera que nos nao poderia ter esse direito mesmo sem pagar o fgts espero que um dia a lei reconheça nosso direito e fique a favor dos mais nesicitados.

  2. alda tenorio dos santos disse:

    uma profissão humilhante,ñ acretido que fiquei nessa profissão por 15 anos,sai de lá mês passado com um cheque no valor de r$500,00,passei metade da minha vida naquela casa me dediquei,trabalhava doente,deixava meu filho doente em casa,pra que,pra nada,pra sai de lá com um cheque humilhante,agora com 28anos vejo que joguei minha moçidade no lixo.

  3. alcilene vital egidio disse:

    acho um abisurdo nós domesticos nao termos os mesmos
    direitos que qualquer outro trabalhador,ja que trabalhamos
    tanto e somos tao omilhados
    nao temos direito de absolutamente nadaaa.

  4. Maria das Graças de S. Vieira disse:

    É mais uma vergonha, para os politicos brasileiros não fazer nada para que as leis que regi os direito das domésticas continuar na era das senzalas. Lamentável, vergonhoso…

  5. CLAUDIA C DE SOUZA disse:

    É HUMILHANTE MAS FAZER O QUE NOS SOMOS MAIORIA E NÃO TEMOS PODER NENHUN ESTOU TRABALHANDO HÁ 1ANO E 6MESES ESTOU DE AVISO PREVIO NÃO SEI NADA DE DIREITOS DE DOMESTICA MAS SEI QUE NÃO TENHO NADA HA RECEBER.FUI MANDADA EMBORA PQ FIQUEI DOENTE ESTOU COM TENDINITE NO JOELHO FIQUEI ATE SEM PODER ANDAR FIQUI DE ATESTADO MEDICO QUANDO ACABOU MEU ATESTADO FUI TRABALHAR RECEBI A NOTICIA QUE ESTAVA DE AVISO FOI TERRIVEL MAS FAZER O QUE É A VIDA MAS SO SEI DE UMA COISA TRABALHAR DE EMPREGADA DOMESTICA EU NÃO QUERO MAIS

  6. JOSÉ BENEDITO disse:

    NÃO DEVERIA SER OBRIGADO A TODO EMPREGADOR A INSCRIÇÃO DA EMPREGADA DOMÉSTICA NO FGTS..
    NÃO SERIA UM JUS AO SEU ESFORÇADO TRABALHO??

  7. kelly cristina disse:

    não deveria ser direito tds enpregadas domesticas ter direitos fgts acho mais q justo o trabalhador ter uma garantia para ñ sair com uma mão na frente e outra atras pois o trabalho e muito sofrido pois vc para trabalhar deixa td sua familia de lado

  8. rosangela santos disse:

    sabe qual e o problema dos nossos politicos no brasil eles só aprovão leis desnecessarias como a se vc der um chinelada no seu filho vc o espancou agora acinar leis pra nós empregadas domesticas e muito gosto eum absurdo agente trabalhar tanto e não ter os direitos devidos o tempo que eles estão acinando leis idiotas pq não acinão leis para as empregadas domesticas que ralam pra caramba . temos hora pra entrar mais não temos hora pra sair politicos do meu brasil poem a mão na conciencia e não no bolso do povo brasileiro

  9. tatiane arruda de oliveira disse:

    sou empregada doméstica e acho isso um absurdo!!!!!
    somos trabalhadores como outro qualquer.nao acho justo que só a nossa classe,nao tenha esse direito que deveria ser de todos.

  10. MARCOS disse:

    ESCRAVIDÃO

    ACHO QUE É MAS FACIL TROCAR O NOME DA PROFISSÃO, O NOME MAS APROPRIADO PARA ESSA PROFISSÃO SERIA ESCRAVO, VC NÃO TEM DIRETO A PORRA NENHUMA, NUNCA VI ISSO, ESSES EMPREGADOS DOMÉSTICOS SÃO MUITO EXPRORADOS PELOS PATROES, ALGUNS AINDA DÃO SORTE QUANDO ENCONTRÃO UM PATRÃO QUE TEM UM BOM SENSO E PAGAM OQUE ELES MERECEM E AINDA DEPOSITAM FGTS, ENQUANTO TEM UNS QUE NEM FGTS DEPOSITAM E AINDA FALAM QUE ELES SÃO COMO SE FOSSEM DA FAMILIA.

  11. Flavia disse:

    Eu nunca havia trabalhado como domestica alias não trabalho eu sou baba porem registrada como domestica, ja fui auxiliar de odontologia e secretaria, mas por necessidade hoje sou baba, fui investigar os direitos e achei um absurdo pois trabalhamos como burros de carga e e contribuímos parte significante do nosso salário como qualquer outra profissão e não temos os mesmos direitos.
    Devíamos ter direitos iguais pois nosso trabalha é tão importante quanto os outros. Devíamos nos unir e lutar por nossos direitos, todos fazem greve porque não podemos?

  12. ILINDA TEREZA SERRANO disse:

    Sou empregadora, trato bem minhas empregadas (uma de cada vez) com INSS, férias e 13º,e com horário fixo respeitado. Sou totalmente contra seguro desemprego, hoje ninguém fica sem trabalho, quem quer trabahar, consegue trabalho, todos os trabalhos são dignos, e na maioria das vezes, quem é mandado embora é porque não corresponde, não trabalha com responsabilidade, dedicação…Todo trabalho tem que ser feito com amor, senão nunca o patrão vai prestar. Atualmente,m inclusive a legislação favorece só os empregados, os patrões vivem à mercê da desonestidade de muitos empregados, tenho amigos que tem empresas, e o grande problema dele é falta de mão de obra, estão desanimados, querendo fechar as empresas. Precisamos porteiro p/o prédio e não existe, com todos os direitos, e ningém querendo trabalhar. Muitas pessoas não percebem que só se consegue ter o que necessitamos com trabalho e poupança.

  13. LILIANA B DA C disse:

    sabe quando esses politicos vao aprovar nunca,porque todos tem uma empregada domestica

  14. sonia disse:

    é minha amiga!!!!todos os comentarios são VERDADEIROS, trabalhamos muitas vezes mais de 8 horas por dia, as vezes 6 vezes na semana, e na hora de receber nossos direitos….Onde estão?to afim de largar fora, essa profissão não é pra mim.Embora, que seja quase o mesmo de estar em casa…na hora de sair, quase que saimos devemos…Assim não dá!!!!!!

  15. LILI disse:

    concordo com vcs !! realmente é uma vergonha,trabalhamos tanto.como fazer leis tão ridiculas e sem consideração, com pessoas que ganham a vida honestamente.
    e com muito sacrificio.mais esse é nosso BRASIL, temos que refletir e aprender a votar,pois bem vemos que eles só fazem leis que os interessa. mais tem gente que troca voto por sacolão. ai fica assim, esses tipos de leis senvergonha.

  16. ALESSANDRA disse:

    PROFISSÃO HONESTA E MUITO DIGNA, SIM, PARABÉNS A TODAS AS DOMESTICAS QUE FAZEM BEM O SEU TRABALHO QUE NAO SE IMPORTAM COM A VIDA DOS PATROES SINAL QUE TRABALHAM DE VERDADE O TRABALHO DIGNIFICA O HOMEN SE É FEITO COM BOA VONTADE E ALEGRIA DE VIVER, MAIS NAO SIGNIFICA CRUZAR OS BRAÇOS EXIGIR SEUS DIREITOS É NECESSARIO, ANTES DE ASSINAR O CONTRATO SE IMPOR ANTES DE TUDO HORARIO DE CHEGADA E SAIDA CARTEIRA ASSINADA DIREITO A DESCANÇO SEMANAL FGTS PAGO MENSALMENTE SIM, MESMO NAO SENDO OBRIGATORIO EXIJA NAO HAVENDO ACEITAÇÃO NAO ACEITE PARTA PARA OUTRA, TEM MUITA GENTE QUERENDO PESSOAS HONESTAS SERIAS PARA COLOCAR EM SUAS CASAS.

Deixe seu comentário

- Este espaço é para você sugerir, criticar e elogiar o conteúdo desta página.
- Para dúvidas, acesse Perguntas Frequentes ou Tira-Dúvidas gratuitamente.

Coluna Semanal


    Leia a coluna semanal “Direito Doméstico” no Jornal da Paraíba com as dúvidas mais frequentes dos leitores.
  • » leia todas as colunas